DESFILE DE 2016

35,10,0,50,1
25,600,60,0,3000,5000,25,800
90,150,1,50,12,30,50,1,70,12,1,50,1,1,1,5000
0,2,1,0,2,46,15,5,2,1,0,20,0,1
Ala Feijão da Vicentina
Ala 15 - Senhoras Africanas
Ala 15 - Senhoras Africanas
Ala Comunidade
Ala 21 - Múmia
Ala 21 - Múmia
Alegoria 3 - As Viagens de Gulliver
Alegoria 3 - As Viagens de Gulliver
Ala Comunidade
Ala 12 - Soldados das Viagens de Gulliver
Ala 12 - Soldados das Viagens de Gulliver
Alegoria 2 - Netuno ou Poseidon, o Deus dos Oceanos
Alegoria 2 - Netuno ou Poseidon, o Deus dos Oceanos
Alegoria 2 - Perigos do Mar
Alegoria 2 - Perigos do Mar
Alegoria 1 - Travessia do Mar Vermelho
Alegoria 1 - Travessia do Mar Vermelho

SEM ENREDO

 

1929

 

O carnaval de 1929 tomou as ruas de todo país entre os dias 9 e 12 de fevereiro. No dia 11, ocorreu o famoso Dia dos Ranchos, evento que reunia as mais famosas agremiações carnavalescas da época. O regulamento e os enredos foram publicados por vários jornais. O título ficou com o “Caprichosos da Estopa”.

Já o desfile das grandes sociedades, único evento que recebia subvenção da prefeitura do Rio de Janeiro, foi marcado para o dia 12, na chamada "terça-feira gorda" e ocorreu sem surpresas. O “Fenianos” levou o campeonato.

 

SEM INFORMAÇÕES

 

1931 

 

Assim como ocorreu no Carnaval de 1930, a imprensa deu pouca importância aos desfiles dos pequenos agrupamentos no Carnaval de 1931. Todas as publicações estavam focadas nos ranchos e nas grandes sociedades e pouca coisa se sabe sobre o que ocorreu na Praça Onze, onde as classes menos favorecidas brincavam o carnaval.

 SEM ENREDO

 

1930 1

 

Em jornais e revistas do ano de 1930 não há registros sobre o então bloco Quem nos Faz é o Capricho ou Vae Como Pode.  O que conseguimos levantar e expomos a seguir sobre o carnaval daquele ano é um resumo do que foi encontrado nas páginas de publicações do período. São extensas reportagens sobre os desfiles de ranchos, das grandes sociedades e dos bailes de confete. Os preparativos para o desfile de ranchos e o próprio desfile ocuparam várias páginas em quase todos os jornais. Sobrava pouco espaço para as outras agremiações carnavalescas.

 

SUA MAJESTADE O SAMBA

 

1932

 

O carnaval de 1932 caiu no início de fevereiro. As escolas de samba, ainda pequenas agremiações se comparadas aos ranchos e grandes sociedades, tiveram seu concurso patrocinado pelo jornal “O Mundo Esportivo”. O certame foi sugestão do jornalista Carlos Pimentel. Uma forma de vender o jornal no período de intervalo entre os campeonatos de futebol.