AS ATIVIDADES DO GRUPO

 

VG1970

Primeira formação da Velha Guarda em 1970

 

O Sr. José Vieira, presidente da Galeria da Velha Guarda, explica que, quando surgiu a Associação das Velhas Guardas, percebeu-se que havia a Velha Guarda da Portela, a Ala do Cabelo Branco, da Império Serrano, e a Galeria da Velha Guarda da Mangueira, ficando decidido que todas as velhas guardas iriam se chamar Galeria da Velha Guarda.

São 80 integrantes. Entre eles, ex-ritmistas, ex-baianas, ex-compositores, ex-presidentes de alas, ex-desfilantes, ex-diretores. Para fazer parte dessa família a principal exigência é ser portelense e ter uma história na escola. Preenchidos estes requisitos, basta fazer o pedido, o qual será analisado pelo grupo, dizendo o porquê de querer fazer parte da Galeria da Velha Guarda.

Esclarecendo qualquer confusão que possa ocorrer, o Sr. Vieira explica que, apesar de a Velha Guarda Show, formada por veteranos compositores, ter uma agenda de atividades própria, na verdade ambas constituem uma só Velha Guarda, preservando unidas o nome e os valores da Portela.

A Galeria da Velha Guarda da Portela possui uma intensa agenda de atividades: às quartas-feiras, acontece na Portelinha o Baile da Terceira Idade, das 17h às 21h; aos domingos, baile das 18h às 22h. A cada dois meses, aos sábados, há um almoço dançante das 14h às 20h.

Todas essas atividades são abertas à comunidade. É com o dinheiro arrecadado nesses eventos que eles pagam as despesas de sua casa, a Portelinha, situada na Estrada do Portela, nº 446, em Madureira.

Toda sexta-feira, às 20h30, ocorre reunião em que todas as questões são discutidas e postas em votação. Curioso é que, ao chegar, cada um vai tomando seu assento e homens  colocam-se de um lado e mulheres de outro. Ao final da reunião todos se juntam no cantinho da velha guarda onde tomam cerveja, comem alguns petiscos e conversam.

Dona Marina, diretora do departamento feminino da Velha Guarda da Portela, é responsável pela idealização do figurino das damas. Além das atividades promovidas na Portelinha, a Velha Guarda faz passeios, participa de eventos em outras agremiações, portando o pavilhão, levando seus integrantes uniformizados e cantando sambas antigos da escola.

A Galeria da Velha Guarda da Portela foi pioneira em lançar seu casal de MS e PB e em fazer apresentação uniformizada.

 

Pesquisa e criação de texto: Fábio Pavão, Rogério Rodrigues e Lucia Pinto